Geddel pode pegar 1 ano e meio de cadeia pra cada milhão da Graça

10/01/2019

 

80 anos de prisão é a pedida da Procuradoria Geral da República como punição a Geddel Vieira Lima pelos crimes de lavagem de dinheiro e associação criminosa. 


É como se cada um dos R$ 51 milhões encontrados no apartamento da Graça em caixas e malas de dinheiro, correspondesse a pouco mais que um ano e meio de prisão.


A punição solicitada para Lúcio Vieira Lima é bem menor, porém se executada plenamente o levaria também a encerrar a vida preso: 48 anos e seis meses.


Há também o empresário Luiz Fernando Machado, apontado como sócio de ambos por meio de empreendimentos imobiliários de luxo, através da Construtora Cobat. Para ele a recomendação é de 26 anos de prisão.


A mãe de Geddel e Lúcio, Marluce, também é investigada, mas o caso dela foi remetido à Justiça na Bahia. Marluce aparece como sócia de empresas constituídas para lavagem de dinheiro, sem empregados nem bens, e que dividem o mesmo endereço.


Clique neste link para ler as alegações finais da procuradora Raquel Dodge contra os três acusados.


O caso será julgado no STF, e não há prazo para que isso ocorra. Enquanto o julgamento não ocorre, a defesa tenta soltar Geddel, alegando que todo o processo já foi concluído. A PGR se manifestou contrária. Quer que ele seja mantido na cadeia - a penitenciária da Papuda, onde está há mais de um ano. Entre outras razões, pelo risco de fuga.
 

Inscreva-se em nosso canal no YouTube: https://www.youtube.com/c/SaladeNotícia

Compartilhar
Tuitar
Please reload

NOTÍCIAS RECENTES
Please reload

Sala de Notícia - Todos os Direitos Reservados