728x90_mot2.gif

Expofeira sem shows: medida acertada

15/06/2018

Criticam os gastos do município com Micareta. Com menor intensidade, o mesmo ocorre no São João. Me parece um excesso de rabugice, com pitadas de hipocrisia e egoísmo. Porque são festas populares consagradas no imaginário popular. Quem não gosta, que se ausente. Cercear a vontade do povo de festejar não resolve problemas da educação e da saúde e, as festas servem sim para aliviar a pressão do dia a dia, tendo portanto, sua função social.


Mas a Expofeira essencialmente é uma feira de negócios agropecuários. Excluir atrações musicais faz sentido tanto do ponto de vista do custo quanto da lógica comercial do evento. É uma despesa que já não deveria existir há muito e faz bem o prefeito em cortá-la agora. Colbert Martins estima que a economia chega a R$ 1 milhão.


Medida correta não só em momentos de emergência, mas para todo o sempre. Encher, à noite, o parque de exposições com gente sem qualquer relação com o ramo agropecuário não ajuda nada a quem vai ali para fazer negócios. Não ajuda e pode até atrapalhar.

 

 

 Público curioso com cabras em exposição de ano anterior

 

Compartilhar
Tuitar
Please reload

NOTÍCIAS RECENTES
Please reload

Sala de Notícia - Todos os Direitos Reservados