Rui Costa leva Ângelo de volta à Assembleia colocando Luiza Maia no secretariado

20/04/2018

 


Suplente que assumiu no ano passado com a ida de Vitor Bonfim para a secretaria de Agricultura, o político feirense Ângelo Almeida vai se beneficiar de manobra idêntica e retornar à Assembleia. 


Vitor retomou o mandato porque vai concorrer à reeleição e por lei não podia permanecer no Executivo. Mas Rui Costa levará ao primeiro escalão (na secretaria de Desenvolvimento Econômico) a deputada Luiza Maia, que não vai disputar a eleição e assume o posto de Jaques Wagner, que também se desincompatibilizou para concorrer ao Senado. Com isso, voltou a vagar um lugar para Ângelo na Assembleia.

 

A manobra contenta o PSB, que não perde o representante (em um momento em que a senadora Lídice da Mata corre risco de ficar fora da chapa majoritária de Rui) e serve também prestigar o petista Caetano, deputado federal e ex-prefeito de Camaçari, marido de Luiza Maia.


De qualquer modo, beneficiado duas vezes pela ação de Rui, Ângelo pode se considerar prestigiado. Ele saiu do PT justamente por se ver sem perspectiva diante do domínio exercido por Zé Neto. Ao anunciar a mudança, Rui elogiou o desempenho de Ângelo.


Agora é muito mais provável conquistar uma vaga na Assembleia estando no exercício do mandato do que estando fora.


Outro fator que pode animar Ângelo Almeida é a possibilidade de herdar votos feirenses para deputado estadual, uma vez que Zé Neto desta vez concorre a federal. O líder do governo na Assembleia está fazendo campanha com o soteropolitano Robinson Almeida, mas transferência de votos para um candidato de fora não é tarefa fácil. Sem nomes de expressão na disputa, Feira de Santana pode depositar mais votos na urna para o membro do PSB.

Compartilhar
Tuitar
Please reload

NOTÍCIAS RECENTES
Please reload

Sala de Notícia - Todos os Direitos Reservados