Irregularidades em benefícios pagos pelo INSS geram prejuízos de R$ 484 milhões em 1 ano

11/01/2018

 

O Ministério da Transparência e Controladoria-Geral da União identificou irregularidades em quase 45 mil benefícios pagos pelo INSS, entre aposentadorias, auxílios e pensões. A fraude causa um prejuízo aos cofres públicos de R$ 37 milhões por mês e de R$ 484 milhões em um ano.

 

A CGU identificou o problema na folha de pagamento de março de ano passado. Do total de concessões irregulares, 13 mil já estão em situação de decadência e devem ser extintos. Mas cerca de 30 mil ainda podem ser corrigidos e representam uma despesa anual de R$ 336 milhões.

 

As maiores irregularidades foram encontradas nos acúmulos indevidos de auxílio-acidente e aposentadoria, auxílio-doença e auxílio-acidente e duas concessões de pensão por morte.

 

O resultado da investigação foi enviado ao INSS com pedido de interrupção de pagamento desses benefícios e a devolução dos valores aos cofres públicos. A controladoria também recomendou a melhoria nos sistemas de gestão de informações para identificar problemas e evitar novas irregularidades.

 

A controladoria também deu prazo até 30 de janeiro para que o Instituto apresente um plano de ação com as medida que serão adotadas para solucionar as irregularidades.

 

Fonte: Agência Brasil

Compartilhar
Tuitar
Please reload

NOTÍCIAS RECENTES
Please reload

Sala de Notícia - Todos os Direitos Reservados