728x90_mot2.gif

Para Pitangueira, anexo do Clériston criado por Eduardo Leite era depósito de gente

06/10/2017

 

"Um depósito de gente". É assim que o diretor do Clériston Andrade, José Carlos Pitangueira, define a ala com 60 leitos, criada na gestão de Eduardo Leite, inaugurada em 2007 durante o governo Wagner e hoje desativada. Já para o ex-diretor, o abandono do local após os investimentos feitos, são "um crime contra o erário".

 

Estado atual da ala que foi inaugurada em 2007

 

Pitangueira considera o local inadequado por ser um anexo, ao invés de integrado à estrutura. Queixa-se de que um paciente necessitando de um recurso que não houvesse no anexo, como um exame de raio X, precisava de uma ambulância para se locomover. "Pelo amor de Deus, é absurdo", disse em entrevista ao Sala de Notícia. Para ele, o anexo poderia ser aproveitado para a parte administrativa e aí sim o espaço desocupado pela administração seria usado para abertura de leitos dentro do prédio do hospital. 

 

PROPAGANDA

 

O anexo aberto na gestão de Eduardo Leite foi apresentado como solução brilhante na época, pois com pouco investimento foram criados dezenas de novos leitos. A área fazia parte do vizinho Hospital Lopes Rodrigues, para pacientes com doenças mentais, mas estava sem uso. Como ambos pertencem ao estado, Eduardo conseguiu incorporar ao Clériston. Foi concebida para abrigar pacientes sem gravidade e liberou vagas na urgência e emergência.

 

O ex-diretor conta que mesmo após sua saída foram feitos investimentos, como a instalação de oxigênio. Mas logo em seguida, foi deixada de lado, o que ele avalia como "irresponsabilidade". "É porque representava custo, que evidentemente foi desviado para publicidade, para dizer que a Bahia tá muito bem", acusa. Ele ressalta que os 60 leitos são tão significativos que não há 10 hospitais públicos no interior baiano que possuam esta quantidade.

 

VEJA ABAIXO A OPINIÃO DOS DOIS DIRIGENTES HOSPITALARES

 

 

Compartilhar
Tuitar
Please reload

NOTÍCIAS RECENTES
Please reload

Sala de Notícia - Todos os Direitos Reservados