Buscar

Na posse, Colbert fala em mudanças naturais e "ajustes aqui e ali"

Atualizado: Jan 3

Glauco Wanderley


É natural que haja mudanças com o tempo, mudanças que não são julgamento de pessoas nem de métodos, mas aperfeiçoamento normal. Esta foi a linha de raciocínio do prefeito reeleito Colbert Martins, ao tomar posse no primeiro dia do ano. Uma sutil defesa de modificações na condução do desgastado governo do grupo político que tem à frente o ex-prefeito José Ronaldo. Tão sutil que na sequência os "aperfeiçoamentos" também foram chamados de "ajustes aqui e ali". A interpretação que me parece óbvia é de que pouco muda.


Mas em política quase nada é literal. Por isso não dá para saber se está mais correta a minha interpretação ao pé da letra do que a feita pela própria secretaria de Comunicação, porta voz do governo, que enxergou no discurso muito mais do que eu e deu à matéria o título "Colbert deixa claro que ocorrerão muitas mudanças no novo governo". Tal leitura é um excesso de liberdade do redator ou complemento do recado iniciado na boca do recém-empossado?


Para mim, atendo-me exclusivamente ao texto do discurso o prefeito nem deixou claro nem sugeriu que serão muitas, as tais mudanças. Sintomaticamente, fez referências e deferências ao antecessor, sentado à sua direita e a quem efetivamente deve sua sobrevivência política.


Confira abaixo e faça também a sua interpretação:


Esse histórico salão nobre me traz muitas recordações. Sempre que aqui venho fico imaginando quantos fatos importantes para a vida de Feira de Santana aconteceram aqui. O passado, a história são de uma importância fundamental. Porém se tornam mais proveitosos ainda quando servem de exemplos para uma evolução racional de comportamentos e métodos que resultem no aperfeiçoamento que a vida sempre exige com o passar do tempo.


Transformar para aperfeiçoar é um princípio básico para buscar mais crescimento e desenvolvimento, principalmente em grandes iniciativas privadas ou na gestão pública de grandes cidades. Aproveitemos as boas experiências do passado e projetemos as mudanças necessárias para o futuro.


Aproveitemos os bons exemplos das várias gestões de José Ronaldo de Carvalho e projetemos o futuro que essa nossa gestão planeja para Feira de Santana. Nossa aliança é cada vez mais forte porque há um respeito mútuo e o nosso objetivo é único: o desenvolvimento desta terra.


Há um novo governo a partir de agora. Muito natural, portanto, que haja mudanças. Elas não são julgamentos de métodos ou de pessoas, são apenas mudanças que almejam aqueles aperfeiçoamentos normais do curso do tempo, de ajustes aqui e ali, frutos de uma evolução explícita e aceleradamente contínua dessa grande cidade que é Feira de Santana.


Nossa aliança, José Ronaldo, ainda tem muito mais a alcançar em favor do nosso povo. E lhe garanto que esse novo governo que se inicia será uma nova fase que fortalecerá o nosso propósito de colocar o bem estar do povo de Feira de Santana acima de tudo.


José Ronaldo (à esquerda na foto) esteve presente na cerimônia restrita

0 comentário

Sala de Notícia - Todos os Direitos Reservados