Buscar

Prefeitura recua e volta a fechar comércio

"Com base no aumento de casos decidimos fechar, a partir do próximo dia 21/05 até o dia 01/06, o comércio da nossa cidade". O anúncio foi feito nesta segunda-feira (18) pelo prefeito Colbert Martins, que vai liberar apenas atividades consideradas como essenciais.

A prefeitura foi criticada até pelo secretário estadual de Saúde, Fábio Vilas Boas, por ter liberado o comércio e experimentado com isso um aumento no número de casos. O prefeito rechaçou a crítica, lembrando que o estado também provocou aglomerações ao promover a entrega de alimentos para alunos da rede estadual, bem como o governo federal, que gera filas nos bancos para pagamento do auxílio emergencial.

Em 21 de abril Feira tinha 58 casos e liberou quase todo o comércio para reabrir. O boletim desta segunda-feira da Sesab (secretaria estadual de Saúde) já registra 213.

"Aulas da rede pública e privada permanecem suspensas, bem como Shoppings, Galerias e Feiraguay. Vamos intensificar a fiscalização em toda cidade e tomando todas as medidas necessárias", complementou Colbert, em mensagem divulgada na internet.

Sala de Notícia - Todos os Direitos Reservados