Buscar
  • Glauco Wanderley

Geração de empregos em Feira caiu 33% em 2019


Divergindo da tendência nacional e estadual, a geração de empregos formais em Feira de Santana em 2019 foi menor que no ano anterior. Enquanto no ano passado o resultado foi de 729 vagas (34.277 admissões e 33.548 demissões), em 2018 o ano terminou com saldo de 1.089 empregados com carteira assinada. O saldo de 2019, portanto, ficou 33% menor que o do ano anterior.

Na Bahia e no Brasil houve aumento no ritmo de geração de empregos. De 2018 para 2019 o saldo no estado passou de 20.739 para 22.158. E no país, de 421.078 para 559.626.

Foi o terceiro ano seguido de saldo positivo em Feira de Santana, mas os três somados ainda não chegam sequer à metade dos empregos perdidos em apenas um dos piores anos da recessão do período 2014 a 2016.

Os dados são oficiais, oferecidos pelo Caged, órgão do governo federal.

VEJA O GRÁFICO COM A GERAÇÃO DE EMPREGOS EM FEIRA DE SANTANA DESDE 2013


728×90_MAIS_SAÚDE_BAHIA_0520_ACOES_FEI

Sala de Notícia - Todos os Direitos Reservados