Buscar
  • Glauco Wanderley

Mulheres com alteração na mama serão atendidas em mutirão no Hospital da Mulher


No próximo sábado (18), das 7h às 9h, o Hospital da Mulher (HM), no Largo de Roma, em Salvador, vai realizar uma triagem para marcação de consultas com mastologistas e especialistas em planejamento familiar.

Podem participar pacientes que já possuam exames como mamografia, ressonância magnética ou ultrassonografia mamária, biópsias ou alterações palpáveis e visíveis na mama, como sangramento ou ferimento. Quem desejar colocar o dispositivo intrauterino (DIU) ou fazer laqueadura também será atendida. Além dos exames, a paciente deve apresentar carteira de identidade (RG), comprovante de residência e cartão do SUS.

“Nosso hospital é voltado para o tratamento das pacientes com câncer de mama. Então, as pacientes que devem ser encaminhadas são as que têm alteração no exame de mama. Elas serão acolhidas para que a gente possa dar seguimento no tratamento delas. O outro foco dessa ação é o planejamento familiar. Nós vamos receber pacientes entre 25 e 40 anos de idade, que tenham pelo menos dois filhos e queiram realizar laqueadura tubária, como contracepção definitiva, e pacientes que desejem colocar o DIU como método contraceptivo de longo prazo”, explica o coordenador o serviço de ginecologia do HM, Luis Carlos Monteiro.

Com exceção do Serviço de Atendimento às Mulheres Expostas à Violência Sexual (Serviço AME), que funciona sob demanda espontânea, 24 horas por dia, o atendimento no HM é agendado por meio da Lista Única, através das Unidades Básicas de Saúde dos municípios.

Mais informações sobre a unidade podem ser obtidas pelo número 0800 071 4000. A ligação é gratuita e pode ser feita de segunda a sexta, das 8h às 18h.


DISPLAY-ESTATICO_728x90px_01.png

Sala de Notícia - Todos os Direitos Reservados