Buscar

Psol pede CPI para marcar posição. Nenhuma chance de investigação pelos vereadores

O Psol protocola na Câmara de Feira de Santana um pedido para instalação de CPI para investigar as falcatruas apontadas pelo Ministério Público estadual na Saúde do município.

A CPI não será instalada, não apenas porque os vereadores são quase todos governistas. Não será principalmente porque são quase todos beneficiários diretos dos esquemas de contratação de pessoal via cooperativas. Eles têm sua cota para empregar aliados, agregados, e com isso angariar votos.

A iniciativa natimorta do Psol, entretanto, é útil para que o caso não caia no esquecimento.

A novidade no caso é o Jhonatas Monteiro se manifestar fora de época de eleição. Sempre bem votado, levando-se em conta a precária estrutura do partido e da campanha, o Rasta já foi duas vezes candidato a prefeito e outras duas a deputado estadual.

Sala de Notícia - Todos os Direitos Reservados