Buscar

Após desocupar estradas caminhoneiros querem invadir Brasília


Wallace Landim, o líder caminhoneiro conhecido como Chorão, gravou na manhã desta quarta-feira (30) um vídeo cercado de colegas do movimento, recomendando que os caminhoneiros parados nas estradas entreguem suas cargas e sigam para ocupar Brasília.

"Aqui nós vamos continuar. Precisamos colocar aqui uns 50 mil caminhões. Pra gente forçar o governo a ter um diálogo", diz Chorão na gravação.

Ele discorda do acordo firmado por outros negociadores com o governo. Em pronunciamento em sessão da Câmara dos Deputados ontem (29) ele afirmou que o objetivo do movimento é que o diesel fique abaixo de 3 reais. Chorão disse na tribuna que participou somente da primeira reunião e depois foi alijado das negociações sem explicação.

Nesta quarta-feira o movimento começou a perder fôlego e os bloqueios acabaram na maior parte dos estados.

O vídeo acima foi editado pela redação do Sala de Notícia, para que começasse pela parte final, mais importante, na qual Chorão convoca a categoria para ocupar Brasília. No restante do vídeo ele critica as negociações feitas com o governo e reconhece o apoio da população ao movimento.

Sala de Notícia - Todos os Direitos Reservados