Buscar
  • Glauco Wanderley

Polícia ouve três envolvidos em caso de maus-tratos ao jacaré da Lagoa Grande


A Polícia Civil de Feira de Santana está investigando e já identificou três pessoas envolvidas no caso de maus-tratos ao jacaré da Lagoa Grande, que foi retirado de uma vala e amarrado por populares. O animal foi devolvido à lagoa e fotos e vídeos registraram o momento. O caso aconteceu na noite da última sexta-feira (12) e as imagens repercutiram nas redes sociais.

A delegada Bianca Torres Andrade, titular da 2ª delegacia informou que vai remeter o caso ao Ministério Público.

“O setor de investigação já identificou três dos possíveis autores eles estão sendo interrogados. Vamos dar continuidade as investigações e realmente se ficar constatado que houve maus tratos aos jacarés eu vou indiciá-los. Vou remeter o procedimento para o Ministério Público que vai denunciar ou não. Se ao final o juiz entender, vai condenar. O crime de maus tratos é um crime de três meses há um ano de prisão, além da multa”, disse.

A delegada relatou que as pessoas que foram ouvidas ontem (16) contaram que tudo não passou de uma brincadeira de mau gosto. Principalmente o fato de "brincar com o animal amarrado" e um deles fazer como se estivesse cavalgando no jacaré. Ela pontuou ainda que policiais da 2ª Delegacia estão buscando a quarta pessoa envolvida no caso.

“Eles negaram e alegaram que foi uma brincadeira. Isso não convence. Nós temos provas. Vídeos e imagens do que realmente houve. Até então o meu entendimento é sobre o crime de maus tratos”, concluiu.

Fonte: Acorda Cidade

#jacaré #LagoaGrande

BNI_R-08_HOSPDACRIANÇA_728x90px_SECOM.pn

Sala de Notícia - Todos os Direitos Reservados