Buscar

Deputado baiano aciona a Justiça para barrar peça teatral em Salvador que tem Jesus como travesti


O pastor e deputado estadual Sargento Isidório (Avante) entrou na Justiça para barrar a apresentação da peça teatral "O evangelho segundo Jesus, rainha do céu". Dirigido por Natália Mallo, o espetáculo, que será apresentado no Espaço Cultural Barroquinha, no Centro de Salvador, na noite desta quinta-feira (26), é uma mistura de monólogo e contação de histórias em um ritual que traz Jesus ao tempo presente na pele de uma travesti.

O deputado acionou a Fundação Gregório de Matos, responsável pelo Espaço Cultural Barroquinha, no intuito de impedir o espetáculo. O juiz de direito Benício Mascarenhas Neto, da 11ª Vara Cível e Comercial de Salvador, ainda não decidiu pelo pleito, mas determinou que o parlamentar pague os custos do processo no prazo de 15 dias.

Em um vídeo divulgado nas redes sociais, Sargento Isidório elevou o tom contra o espetáculo. "Insinuar que o senhor Jesus, adorado por nós, é travesti, apelidando de rainha do ceú, chega ao limite do desrespeito à fé cristã. Acionei a Justiça para não permitir esta vagabundagem, safadeza, vilipêndio, profanação contra o nome do senhor. Querem desconstruir a imagem moral e santa do senhor Jesus zombando cinicamente da nossa fé", disparou.

O deputado diz ainda que sua ação visa evitar o "derramamento de sangue" e lembra o caso dos jornalistas franceses mortos "por desrespeitarem Maomé".

Fonte: Bocão News

0 comentário